07 abril 2014

Review Tauriel (O Hobbit) - Bridge Direct





Saudações caros leitores, mais um review com a escala variada, dessa vez direto de Mirkwood na Terra-Média, das telas de O Hobbit - A Desolação de Smaug, a elfa silvestre Tauriel.

Biografia:
Interpretada por Evangeline Lilly, Tauriel é uma elfa silvestre de Mirkwood, Capitã da Guarda do Rei-Élfico Thranduil. Quando pequena seus pais foram mortos por orcs e ela foi criada nos salões reais juntamente com Legolas, hoje tem pouco mais de 600 anos. Seu nome significa “filha da floresta”. Tauriel não foi criada por JRR Tolkien e sim por Peter Jackson (diretor de “O Hobbit” e “O Senhor dos Anéis”), sendo uma personagens importante nos filmes A Desolação de Smaug (2013) e Lá e de Volta Outra Vez (2014).

Fonte: imdb.com

Embalagem
Tipo cartela, na frente traz o logo filme e uma imagem da personagem, curioso é que o logo se refere ao primeiro filme da série An Unexpected Journey (Uma jornada Inesperada) de 2012, já que a figura foi lançada na época desse filme. No verso temos uma foto da figura, a sinopse do filme e uma pequena biografia de Tauriel, além das imagens das demais figuras da wave.

 














Escultura, Pintura e Articulações
Fabricada pela Bridge Direct a figura tem cerca de 5,5”. A escultura não é de um todo ruim, ela possui detalhes nas botas, nos braços como são vistos na personagem no cinema, o cabelo também ficou bem esculpido, mas fica por aí. Infelizmente o rosto não ficou parecido com a belíssima Evangeline Lilly, também acho que as orelhas deveriam ser um pouco mais pontudas. A mão esquerda não é igual a da figura representada no verso da cartela, o que aumenta a dificuldade de deixá-la em uma boa pose com o arco. A pintura também deixou a desejar, ouve uma mudança de tom comparando a pele do rosto e das mãos. Ela é bem articulada, porém a túnica limita as articulação de suas pernas.

 













 













Acessórios
Arco, aljava, seis flechas e duas espadas. Os acessórios são bem esculpidos, o seu ponto fraco realmente é a pintura.

 













 














Fotos em escala


Considerações Finais
Bem, essa foi minha primeira figura da Bridge Direct, e com certeza ela poderia ter sido bem melhor acabada, principalmente em comparação a outras figuras dessa série, pelo que pude ver em outros reviews. O maior defeito dela é ser uma figura da Tauriel, não pela polêmica em torno da personagem, mas por não ter ficado parecida com ela, se fosse uma figura de elfa genérica ainda dava pra passar.

 














Obrigado a todos e até o próximo review!!!

4 comentários:

  1. Eu tenho apenas a versão menor dela Yanker, mas acho que essa deva ter os mesmo defeitos e pontos positivos. Acho o pior a túnica. Do que adianta pernas articuladas se de nada servem? O bom da articulação é a disposição para poses e as possibilidades. Limitação é fogo.

    Abraços!
    Multiverso X

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita camarada Ace. É realmente uma pena essas limitações, essa era uma coleção que prometia muito, pelo que vi o Thorin tem um melhor acabamento, e o Legolas possui as mesmas limitações de articulação nas pernas, também por causa da túnica. Abraços!!!

      Excluir
  2. Olá Yanker,

    gostei do Review, esclarecedor e objetivo! Esta linha de brinquedos não é muito minha "praia", apesar de gostar bastante e apreciar o filme mas, a limitação de espaço e financeira me fazer focar mesmo é no querido Playmobil!

    Claro que por aqui a diversidade é grande pois meu herdeiro (8 anos) brinca com o que ganhar mas, desta linha trouxe alguns dos EUA mas por hora estão guardados...

    Abraços,
    Marcius Victor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pela visita camarada Marcius!!! Mesmo sabendo das limitações dessa linha, comprei justamente por ter gostado do filme.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...